terça-feira, 4 de março de 2008

Resumo

Código é um conjunto de sinais convencionados socialmente para a construção e a transmissão de mensagens.

Linguagem é um processo comunicativo pelo qual as pessoas interagem entre si.

a) Linguagem verbal

b) Linguagem não verbal

c) Linguagem mista

d) Linguagem digital

Aquele que produz a linguagem – que fala, que pinta, que dança – é um locutor, e aquele que recebe a linguagem é chamado de locutário. No processo de comunicação e interação, amos são interlocutores.

A Comunicação o corre quando interagimos com outras pessoas utilizando linguagem.

Língua é um conjunto formado por signos (palavras) e leis combinatórias por meio do qual as pessoas se comunicam e interagem entre si.

Variedades lingüísticas:

São as variações que uma língua apresenta, de acordo com as condições sociais, culturais, regionais e históricas em que é utilizada.

-Norma culta

-Norma popular: dialetos e os registros.

Linguagem, comunicação e interação

Textos literários

Textos não literários

Conto

Poema

Romance

Peças de teatro

Novelas

Crônicas

Notícias

Cartas comerciais

Receitas

Manuais

Bulas de remédio

No texto literário temos elementos como personagens, tempo, espaço, narrador e uma preocupação com o modo como as coisas são narradas.

A Literatura possui uma dimensão semântica, comunicativa, social e estética que a distingue dos outros textos.

Plurissignificação da linguagem literária: denotação e conotação

Denotativo

Conotativo

A palavra tem valor referencial ou denotativo quando é tomada no seu sentido usual ou literal, isto é, naquele que lhe atribuem os dicionários.

A palavra tem sentido conotativo quando são apenas sugeridos, evocando outras idéias associadas, de ordem abstrata, subjetiva.

Exemplo:

Está camisa é velha.

Exemplo: "Quem está na chuva é para se molhar" seria o mesmo que: "/Quando alguém opta por uma determinada experiência, deve assumir todas as regras e conseqüências decorrentes dessa experiência".

Cada forma de arte faz uso de certos elementos. A pintura, por exemplo, trabalha com a tinta, cores e formas; a música com os sons; a dança com movimentos. E a literatura, que material utiliza? Pode-se dizer que a literatura é a arte da palavra.

Literatura e comunicação - Sendo a literatura a arte da palavra e a palavra a unidade básica da língua, podemos dizer que a literatura assim como a língua, é um instrumento de comunicação e interação social e, por isso, cumpre também o papel social de transmitir os conhecimentos de uma comunidade.

Literatura e sociedade - Como toda forma de arte a literatura está vinculada à sociedade em que se origina. Não existe artista completamente indiferentes à sociedade. Partindo de uma experiência pessoal o artista recria ou transcria a realidade dando origem a uma supra-realdiade ou uma realidade ficcional.

Literatura de denuncia social - literatura engajada.

Literatura e Imaginação - Tanto o escritor quando o leitor fazem uso da imaginação: o artista recria a realidade, assim como o leitor recria o texto que lê. Formação do sentido: autor/texto/leitor.

Estilos de época, estilo pessoal, tradição literária - Ao conjunto de textos que apresentam certas características comuns em determinado momento histórico, chamamos estilo de época ou movimento literário.

O gênero textual é a realização de qualquer texto, seja oral ou escrito, produzido por um usuário de uma língua em certo momento histórico. Assim, os usuários da lingua podem reconhecer certos textos como exemplares de certos gêneros textuais, como uma carta pessoal, uma entrevista, um artigo de opinião, uma aula expositiva, dentre outros.

Gêneros literários - Entre os gêneros discursivos, existem aqueles que são próprios da esfera artística e cultural e são utilizados com finalidade estética: os gêneros literários.

De acordo com uma concepção clássica, há três gêneros literários básicos: o lírico, o épico e o dramático.

Gênero Lírico - Trata-se da manifestação do Eu lírico, que expressão seu mundo interior suas emoções, idéias e impressões. É um texto geralmente subjetivo, com predominância de pronomes e verbos em 1ª pessoa que explora musicalidade das palavras.

Gênero Épico - é um texto que heróico narrativo extenso, uma colecção de feitos, de fatos históricos, de um ou de vários indivíduos, reais, lendários ou mitológicos.

Gênero dramático - Enquanto o gênero épico exalta as realizações humanas os gêneros dramáticos expõe o conflito dos homens e seu mundo, as manifestações de miséria humana.

Gêneros Narrativos modernos - No final da idade média começaram a surgir alguns gêneros narrativos em Prosa, como o romance e a novela. De um modo geral, pode-se dizer que todos os gêneros narrativos modernos – a novela, o romance, o conto, a crônica, o roteiro de cinema, e etc.

Nenhum comentário: